Bloco Vou Zuar pode ficar de fora do carnaval de Niterói
Publicação: 07/02/2020
Categorias: Blog | Notícias
Autor: Quero Morar em Niterói

O Bloco Vou Zuar, que se apresentaria pelo quarto ano no carnaval de Niterói no próximo domingo (9), teve a autorização de desfile indeferido pelo Corpo de Bombeiros e poderá ficar de fora dos festejos. Segundo a corporação, o pedido foi negado por ausência de documentos imprescindíveis, como as anotações de responsabilidade técnica.

Conforme o Corpo de Bombeiros, os blocos carnavalescos ficam isentos de regularização junto à corporação desde que os mesmos não tenham infraestrutura. Caso tenham palcos, trios elétricos, camarotes, torres de som e luz, arquibancadas e outros itens semelhantes, a exemplo  do Bloco Vou Zuar, precisam de legalização conforme prevê o Decreto Estadual 44.617/14.

Leia mais: Confira a programação completa do Carnaval de Niterói

O decreto afirma que os requerimentos de autorização deverão ser dirigidos aos agentes públicos e protocolados com antecedência mínima de 50 dias para eventos de médio porte, cujo público varia entre 2.001 e 20.000 pessoas.

Em material divulgado pela corporação, o comandante-geral do Corpo de Bombeiros RJcoronel Roberto Robadey Jr, explicou que a documentação varia de acordo com as características de cada bloco, previsão de público e a infraestrutura planejada.

Desta forma, de acordo com o Corpo de Bombeiros, “o pedido de autorização, no que diz respeito à segurança contra incêndio e pânico, foi indeferido pelo CBMERJ por ausência de documentos imprescindíveis para a liberação. Entre eles, anotações de responsabilidade técnica”.

Neste ano,para evitar confusões por excesso de público, como em outras edições, o grupo (por ordem dos órgãos competentes) antecipou, através do site da banda, a distribuição de dez mil ingressos gratuitos. A entrada no evento seria mediante a apresentação do tíquete.

Poucas horas antes da confirmação do indeferimento pelo Corpo de Bombeiros  ao  GLOBO-Niterói, o grupo se reuniu com o responsável pela Coordenadoria de Políticas Públicas para a Juventude (CPPJ) da prefeitura de Niterói, Binho Guimarães, a fim de  definir os últimos detalhes do evento. Logo depois, confirmou à reportagem que o evento estava de pé. No Instagram oficial da banda, integrantes postaram vídeos de um ensaio, convidando o público para a apresentação de domingo.

Após o posionamento dos Bombeiros, a banda não comentou o caso.

A apresentação do Vou Zuar é conhecida por arrastar multidão, mas também por terminar com alto número de furtos e brigas. No ano passado, foliões reclamaram da falta de organização e de guardas municipais e policiais. A previsão para aquela festa era de 15 mil pessoas, porém, participantes e guardas municipais que trabalhavam no evento à época afirmaram que o público era o dobro.

prefeitura de Niterói, que autorizara a apresentação, ainda não respondeu aos questionamentos.

Fonte: O Globo

Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.