Niterói fecha acordo para comprar 1,1 milhão de doses da vacina Coronavac
Publicação: 11/12/2020
Categorias: Notícias
Autor: Quero Morar em Niterói

A Prefeitura de Niterói fechou um acordo com o Instituto Butantan, em São Paulo, para comprar 1,1 milhão de doses da vacina Coronavac.

O município fará o investimento de R$ 57 milhões no projeto de imunização, ao custo de 10 dólares por dose. As primeiras 300 mil vacinas chegarão na cidade no fim de janeiro para profissionais de saúde e idosos.

Cronograma de vacinação

Segundo o prefeito Rodrigo Neves, a quantidade é suficiente para imunizar toda a população da cidade, que conta com mais de 500 mil habitantes.

Pelo cronograma proposto ao Butantan e assinado pelo diretor institucional do Instituto, Raul Machado, seriam 300 mil doses disponíveis no fim de janeiro para profissionais de saúde e idosos, outras 300 mil doses para o fim de fevereiro, distribuídas aos cidadãos com comorbidades e profissionais de educação, e outras 500 mil para o restante da população durante o primeiro semestre, até maio.

Segundo o poder executivo municipal, Niterói é a única cidade do RJ a testar a fase 3 da vacina Coronavac, em parceria com o Instituto Butantan e a Fiocruz.

A prefeitura informou também que os resultados da fase 3 foram considerados excelentes, com a plena imunização e nenhum efeito colateral.

“Desde o início da pandemia, Niterói atuou com base na ciência e nas melhores experiências internacionais nessa batalha pela vida contra o coronavirus. Colocamos em prática um programa integrado de ações sanitárias, retaguarda hospitalar, apoio com renda básica às famílias mais pobres e crédito e apoio direto às pequenas empresas. Graças à consciência cívica dos niteroienses, com respeito as medidas de prevenção à Covid-19, salvamos milhares de vidas. Temos orgulho de estarmos participando dos esforço mundial pela vacina e estarmos com planejamento para iniciar a vacinação de nossa população com segurança e o mais rápido possível”, disse Rodrigo Neves

Vacina autorizada pela câmara

Na última quarta-feira (9), os vereadores de Niterói, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro, aprovaram a lei que autoriza a compra de vacinas contra Covid-19 para aplicação no município.

A nova legislação autoriza que a prefeitura compre uma das vacinas disponíveis contra a doença, desde que ela seja aprovada pela Anvisa e não seja distribuída pelo Governo Federal.

Nova lei

A lei aprovada na Câmara Municipal é de autoria do vereador Paulo Eduardo Gomes (PSOL), presidente da Comissão de Saúde do legislativo local.

Segundo o texto da nova legislação, o município também está autorizado a participar de consórcios com estados e/ou outros municípios, com o objetivo de compartilhar recursos e tecnologias, realizar pesquisas ou desenvolver a capacidade de produção local de vacinas, especialmente por meio de órgãos e instituições.

Fonte: G1

Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.