Prefeitura faz nova alteração em linhas de ônibus de Niterói
Publicação: 03/08/2022
Categorias: Notícias
Autor: Quero Morar em Niterói

Menos de três meses após promover uma reformulação nas linhas dos ônibus municipais de Niterói, a Secretaria de Urbanismo e Mobilidade volta a fazer outra reordenação. As mudanças entram em vigor a partir desta quarta-feira (3).

Dessa vez, a SMU determinou transformar quatro linhas em duas. A primeira alteração envolve as linhas 21 (Fonseca x Centro) e 23 (Teixeira de Freitas x Centro) que serão unificadas, resultando na linha 21 (Fonseca/Riodades/Teixeira de Freitas x Centro). A segunda alteração está relacionada com as linhas 22 (Fonseca x Centro – via Marques do Paraná) e 25 (Riodades x Centro), resultando na linha 22 (Fonseca/Riodades/Teixeira de Freitas x Centro – via Marques do Paraná).

Todas as linhas são da empresa Ingá que, recentemente, vendeu 40 ônibus para pagar dívidas e vinha operando com a frota reduzida em cerca de 30%. A empresa está atrasando pagamento de salários e das cestas básicas. Tanto que os rodoviários da Ingá marcaram uma assembleia para discutir a situação a ser realizada no próximo dia 9, às 10h, na sede do  Sindicato dos Rodoviários de Niterói a Arraial do Cabo (Sintronac), no centro de Niterói.

Grupo Ingá é formado pelas empresas Ingá, Peixoto e Rosana, com um total de 482 funcionários. Faz faz parte do Transnit, um dos dois consórcios responsáveis pelas empresas que prestam serviço de transporte coletivo na cidade – o outro é o Transoceânico. Na última segunda-feira (1), o Transnit recebeu três notificações da Subsecretaria Municipal de Transportes e Trânsito. No dia, fiscais da SSTT foram para o Terminal Rodoviário João Goulart, no Centro, para conferir se as empresas de ônibus cumpriram a determinação de voltar a circular com frequência normal da frota nas linhas da cidade. A prefeitura não informou o teor das notificações.

Em julho, as empresas de ônibus de Niterói haviam reduzido, ainda mais, o horário de funcionamento de várias linhas. No horário da madrugada, praticamente 100% da frota sumiu das ruas. Dentre os que circulam durante o dia, a redução estava em cerca de 15%. Na época, a Secretaria Municipal de Urbanismo e Mobilidade informou que, durante os períodos de férias escolares, os consórcios são autorizados a reduzirem a frota em até 15%. O retorno às aulas foi na última segunda-feira.

De lá para cá, o resultado foi um aumento de tarifa, que passou para R$ 4,45, mesmo com redução da frota.

Em maio, a SMU acabou com a linha 62A, também da Ingá, que ligava o bairro do Caramujo a Charitas. Seus ônibus seriam pelas linhas 26 e 26A. A justificativa é que a medida iria diminuir o tempo de espera nas saídas de ônibus do Caramujo de 40 para 20 minutos. Aos usuários da linha 62A foi recomendado que utilizassem a linha 62B ou fizessem baldeação até a Alameda para pegar a linha 62.

As novas alterações nas linhas de ônibus constam da portaria Nº 017/2022 que a SMU publicou no Diário Oficial do município nesta quarta-feira (3). O documento estabelece, também, os horários que a frota da empresa deverá circular. Na linha 21 (das 6h às 22h50), os intervalos entre os veículos vão variar, em função dos horários, de 21 a 41 minutos. Já na linha 22 (5h10 às 23h), os intervalos serão de 15 a 63 minutos.

 

Fonte: A Seguir Niterói

Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.